Foto : Vini Simoni /Metropress

Em entrevista a radio Metrópole, presidente do Vitória convoca a torcida para se associar

Em entrevista à Rádio Metrópole nesta segunda-feira (10), durante o Jornal da Bahia no Ar, além de comemorar a vitória sobre o Bahia no primeiro clássico BA-VI desde seu retorno, o presidente Paulo Carneiro falou sobre os problemas financeiros do Esporte Clube Vitória e convocou o torcedor para se associar e ajudar o clube.

O mandatário também destacou a importância da divisão de base que, segundo ele, vai salvar o Vitória. De acordo com PC, a meta é ter 20 jogadores formados no clube atuando no elenco principal.

“A situação do Vitória em caixa é calamitosa. Nós invertemos o processo, já temos jogadores no seu elenco na formação principal. Eles já estão no time principal e vão salvar o Vitória. Alguns deles tinham 18 anos. É preciso coragem. Já temos 10 jogadores da base no time principal, nossa política é chegar a 20. Por enquanto é um clube insolvente, preciso da ajuda de todos. O torcedor precisa se associar”, cobrou.

Sobre a situação financeira do Vitória e o rombo no Caixa, Paulo Carneiro atribui as gestões passadas e não poupa críticas, inclusive, citando negociações equivocadas.

“O Vitória entregou 50%, tinha 100%, ao Grêmio por Diego Rosa, talvez o melhor jogador do Brasil. O Vitória perdeu um jogador que, se estivesse no Vitória e oferecessem 5 milhões de euros, eu não venderia. Situações como essas eu posso dizer umas 10. Esse goleiro João Gabriel veio ao Vitória, jogou o fim de 2018, deu como prêmio a compra e fizeram um contrato de três anos com ele. Foi isso que encontrei no Vitória”, declarou o dirigente.

Para se associar, basta clicar aqui

Veja também: Veja a provável escalação do Vitória para amanha pela Copa do Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui