Neilton foi o autor do gol de honra do Vitória neste sábado (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

O jogador que vem sendo opção no banco de reservas do Inter ainda pertence ao Vitória, que não conseguiu o acesso para a Série A, portanto, disputará a Série B novamente em 2020

Com a vitória fora de casa contra o Botafogo, o Inter encaminhou sua vaga na próxima Libertadores da América. Resta agora ao Colorado definir se entrará diretamente na fase de grupos ou nas fases prévias, situação que será solucionada nas duas rodadas finais do Brasileirão. A partir do final da competição, começam as movimentações no mercado de transferências.

Um atleta que tem seu futuro incerto no Beira-Rio é o meia-atacante Neilton. Ainda pertecente ao Vitória, o atleta não voltará para o rubro-negro que não conseguiu o acesso para a Série A de 2020, e, portanto, não dispõe de recursos financeiros para definir o retorno do jogador de 25 anos. A vontade do atleta é de permanecer na equipe do Inter e ser comandado por Eduardo Coudet na próxima temporada.

O presidente do Vitória, Paulo Carneiro, se pronunciou sobre a situação do atleta. “O Vitória não tem condição de mantê-lo. Cada dia que ele ficar no Vitória a partir de janeiro é prejuízo. Ele foi comprado de forma absurda. O clube fez um contrato milionário e não tinha condição de bancar“, alertou. O Internacional precisa adquirir os direitos de Neilton a partir de janeiro, mas ainda não se decidiu sobre essa situação.

O atleta foi titular na vitória fora de casa sobre o Botafogo por 1 a 0 e disputou 26 partidas até aqui com a camisa do Inter em 2019. Destas, o Colorado venceu 16 e perdeu apenas  seis vezes, o que reforça o bom aproveitamento da equipe gaúcha com Neilton em campo, mesmo que o atleta tenha marcado apenas uma vez. No jogo no Rio de Janeiro, o jogador atuou centralizado no lugar de D’Alessandro.

Veja também: Lateral se despede e não fica no Vitória para 2020

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui